Entrar
Clique aqui para entrar

Exposição Juiz de Fora Verde @ MAMM - Museu de Arte Murilo Mendes - Zine Cultural

Out
04
2017

Exposição Juiz de Fora Verde @ MAMM - Museu de Arte Murilo Mendes



Uma homenagem ao aniversário de 90 anos do movimento literário Verde.


Ingressos

Nos eventos que oferecem a possibilidade de ingressos "meia-entrada", é necessário comprovar a condição com documentação específica.

EVENTO JÁ REALIZADO

A partir do dia 4 de outubro, o Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM) recebe a Exposição Juiz de Fora Verde. A mostra homenageia o aniversário de 90 anos do movimento literário Verde. As vitrines, no centro da galeria, expõem as edições da revista, e suas respectivas capas estão reproduzidas nas paredes. O público encontra também poesias e textos dos juiz-foranos citados nas publicações: Edmundo Lys, Murilo Mendes, Austen Amaro e Roberto Gil. 

 

Horários para visitação: 

  • De terça a sexta: das 9h às 18h
  • Sábado, domingo e feriado: das 12h às 18h


 

Há ainda na mostra a reprodução de dois desenhos de Pedro Nava, publicado no livro "Juiz de Fora Poema Lyrico", de Austen Amaro, que recebeu elogios nas páginas da revista. “Juiz de Fora Verde” é uma redescoberta da importância histórica de um grupo de homens que, mesmo ainda jovens, floresceram no objetivo de ver nascer novas formas e cores na arte mineira.


Sinopse do evento: 

"A incompreensão é uma lástima, mas o esquecimento é uma tragédia. O impacto da Semana de 22 sobre a literatura brasileira com a proposta modernista é assunto arquiconhecido e consta de todos os manuais sobre a produção nacional. O que às vezes é injustamente esquecido nesta história é que jovens mineiros de Cataguases, sob inspiração daquele grupo, tornou célebre o modernismo por estas terras. Justa homenagem e lembrança é a que presta a exposição “Juiz de Fora Verde”, em cartaz na Galeria Poliedro do Museu de Arte Murilo Mendes (MAMM).

Com seis edições - as cinco primeiras publicadas entre setembro de 1927 e janeiro de 1928, e a última em maio de 1929 - a Verde surgiu liderada pelo escritor Rosário Fusco, na época com 17 anos, reunindo em suas páginas poesia, crônica, conto, crítica e artes visuais. Em sua lista de colaboradores constam vultos nacionais, como os nomes de Mário de Andrade, Marques Rebello, Aníbal Machado, Sérgio Milliet, além de trabalhos de artistas da região. Neste aspecto, a mostra “Verde, 1927 - 2017” enfatiza a colaboração de artistas juiz-foranos ou radicados na cidade, cujos trabalhos ganharam notoriedade na publicação."

O Zine Cultural não se responsabiliza por alterações de última hora efetuadas na programação deste evento sem comunicação prévia à redação.
Publicidade

Você também pode gostar!

Zine Imóveis
// Imóveis em destaque!

Publicidade