Entrar
Clique aqui para entrar

Sonora Brasil @ SESC - Zine Cultural

Ago
30
2017

Sonora Brasil @ SESC



Última apresentação de 4 bandas do país!


  • 30/08 (Qua) - 19:00 | Sesc
  • 31/08 (Qui) - 19:00 | Sesc
  • 01/09 (Sex) - 19:00 | Sesc

Ingressos

Nos eventos que oferecem a possibilidade de ingressos "meia-entrada", é necessário comprovar a condição com documentação específica.

EVENTO JÁ REALIZADO

O projeto "Sonora Brasil" chega ao Teatro Clara Nunes, do Sesc. As apresentações vão de 29 de agosto a 1º de setembro. O tema é "Na pisada dos cocos e Bandas de Música: formações e repertórios, desenvolvidos com a participação de quatro grupos cada um". Até o fim de 2017, o projeto promoverá 420 concertos de música regional brasileira, em 108 cidades, incluindo municípios fora dos grandes centros urbanos. Confira a programação para Juiz de Fora:


 

29/08: Corporação Musical Cemadipe (GO)

Banda formada por jovens da cidade de Aparecida de Goiânia. A criação do grupo, em 2005, ocorreu como uma proposta de educação musical baseada em referências comumente encontradas em cidades do interior do Brasil. No caso deste grupo, é realizado um trabalho bastante sistematizado e embasado teoricamente pelo fato de ter à frente um maestro/professor com formação acadêmica.



Corporação Musical Cemadipe - foto: divulgação

 

30/08: Sociedade Musical União Josefense (SC)

Fundada em 1876, a partir da fusão de três antigas bandas, a União Josefense é uma das mais antigas do estado de Santa Catarina e está sediada na cidade de São José - Florianópolis. Formada por 28 músicos, desenvolve repertório variado, transitando por arranjos e adaptações de música popular e erudita, mas também domina repertórios tradicionais que envolvem marchas, hinos, dobrados e músicas ligadas a festividades religiosas.
 


Banda União Josefense - foto: divulgação


31/08: Abandinha (AM)

Grupo formado, em 2015, por músicos da cidade de Manaus, capital do estado do Amazonas, inspirado na Bandinha de Altamiro Carrilho, que era caracterizada como uma formação compacta, composta pelos naipes de madeiras, metais, percussão e um instrumento harmônico, no caso o banjo, e que nas décadas de 1950 e 1960 fez grande sucesso nas rádios tocando repertório de valsas, choros, maxixes, marchas-rancho e outros ritmos populares. A sonoridade do grupo e o repertório também fazem referência aos antigos ranchos carnavalescos que precederam os blocos de Carnaval e as Escolas de Samba no Carnaval carioca, dos quais Ameno Resedá é o mais lembrado até os dias de hoje.

 


Abandinha - foto: divulgação


01/09: Quinteto de Metais da UFBA (BA)

Os conjuntos de câmara têm origem no século XVI, época em que se tornou uma prática a apresentação de pequenos grupos musicais nos castelos medievais europeus em situações sociais envolvendo a nobreza. Ao longo da história o quarteto de cordas, em sua formação clássica com dois violinos, viola e violoncelo, foi a formação que mais se consagrou neste âmbito, motivando compositores de todos os períodos históricos, estimulando a produção de vasto repertório.



Quinteto de Metais da UFBA - foto: divulgação

O Zine Cultural não se responsabiliza por alterações de última hora efetuadas na programação deste evento sem comunicação prévia à redação.
Publicidade

Você também pode gostar!

Zine Imóveis
// Imóveis em destaque!

Publicidade