Entrar
Clique aqui para entrar

16 anos de Música com Atitude! - Zine Cultural

Blog

16 anos de Música com Atitude!

Por: Natália Andrade e Vinícius Barreto

O Cultural Bar & Roll completa nessa semana 16 anos de histórias de muito sucesso! E é claro que, com tanto tempo de estrada, o que não faltam são pessoas que passaram por bons momentos na casa, sem falar das histórias engraçadas. O Zine Cultural celebra os 16 anos de vida da casa noturna, trazendo relatos de pessoas que passaram pela história do Cultural e tem boas recordações do que viveram, ou ainda vivem lá! 

“Como falar de um caso isolado, nas mais de 2500 noites e uma média de 5mil shows realizados? É muita história boa! Mas como não consigo separar a minha arte da minha casa, da minha banda e da minha vida, que me trouxe até aqui, separo uma. A banda que faço parte, Eminência Parda, tocou depois do show maravilhoso do ídolo Luiz Melodia. No meio do show, ele subiu no palco e fizemos uma música dele com ele. Depois fomos para o camarim e trocamos ideia até o dia amanhecer. Quando a produção dele falou que não dava pra esperar mais, ele falou que esqueceu os sapatos no hotel, só para poder ficar mais tempo e tomar mais "umas" com a gente, creio eu. Depois de uma hora eles voltaram dizendo que não acharam os sapatos, aí ele disse: "Óh, esqueci que eles estão em meus pés"! Figura! O cara além de ser totalmente simpático e simples é um dos maiores nomes da nossa rica MPB.” Marcelo Panisset, Sócio do Cultural

“O meu trabalho no Cultural foi um tempo muito importante e produtivo na minha vida. Conheci pessoas incríveis, que são meus grandes amigos até hoje!  Meu atual chefe me conheceu no Cultural, pois eu comprava grandes shows da empresa dele. Um dia ele me falou: “Você ainda vai trabalhar comigo”. E assim aconteceu! Hoje eu trabalho há dois anos no Rio, em uma Produtora, com Milton Nascimento, Ney Matogrosso, Roberta Sá, Bangalafumenga e vários outros artistas. Sou MUITO grata pelo meu tempo na casa e se o Cultural não tivesse feito parte da minha vida eu não estaria onde estou.”  Cibele Lopes, ex-produtora. 

"Minha relação com o Cultural foi e continua sendo uma experiência de amor e aprendizado. Trabalhar com produção no Cultural me proporcionou conhecer trabalhos musicais maravilhosos. Noites incríveis, onde se tocava pelo prazer de tocar e de fazer a noite de Juiz de Fora, uma noite diferente de todas as outras. O mais importante dessa história toda é que continuo apaixonada pela casa, minha alma não saiu de lá... Levei comigo grandes amigos, grandes histórias, grandes shows e uma experiência profissional inesquecível. O Cultural ainda vai apresentar muitas histórias de amor. Quem ainda não conhece, vale muito a pena ir lá e sentir toda aquela energia..." 
Juliana Assis, ex-produtora.

“Tenho muitas histórias legais e divertidas com o Cultural, afinal são 16 anos desde a inauguração… Um episódio que sempre vem na lembrança é de quando Cássia Eller apareceu por lá! Sempre fui o rei dos furos e com ela não foi diferente! Ela me pediu cerveja e quando eu me toquei de quem era, não perdi a chance de fazer piada. Perguntei a ela: Você veio aqui para me conhecer? Ela nem respondeu, só soltou uma gargalhada super gostosa, me abraçou e depois deu uma canja com a banda Pantera Cor-de-Rock!” 
Markito,  patrimônio imaterial do Cultural

“Trabalhei na produção do Cultural durante dois anos e meio e fazer parte da estrada deles é levar muito trabalho na bagagem, muita responsabilidade, muitos amigos e, claro, muita diversão. O Cultural é uma casa de muita responsabilidade com a música e isso torna o trabalho muito prazeroso. Uma história engraçada foi no show de uma banda muito famosa na casa, em que o roadie da banda fez tudo ao contrário do que eu tinha falado, então o coro tava comendo no palco e também no backstage! Dois anos depois a banda voltou e o roadie era mesmo, que já chegou me falando que ia fazer tudo certo daquela vez. Nesses 16 anos de estrada o Cultural carrega uma bagagem impecável e espero que continue assim, porque música com atitude é lá mesmo!”

Nívea Siqueira, ex-produtora

 

"São tantos momento, tanta história pra contar.  Posso ressaltar a simpatia e a energia de muitos músicos que passaram em nosso palco, em especial  Gabriel o Pensador, que energia, que astral positivo, cativou a todos. Moraes Moreira, dá vontade de conversar com ele sem parar, cheio de assunto e a coisa flui e quando você vê já se acha melhor amiga. Tico Santa Cruz, que não tirou o sorriso do rosto e olha que a fila de fãs foi grande, atendeu a todos com muito carinho." Rosana Assis, Sócia do Cultural

 

E que venham muitos outros anos de sucesso e histórias para contar. A semana segue com o FDS repleto de música com atitude para essa super comemoração, confira a agenda.

 

E você, tem alguma história marcante ou engraçada para contar? Envie para jornalismo2@zinecultural.com. 

 

Partiu, Cults? 

Zine Imóveis
// Imóveis em destaque!
Publicidade