Entrar
Clique aqui para entrar

Clube dos Canalhas - Zine Cultural

Blog

Clube dos Canalhas

Por: Natália Andrade

O semblante fechado e a pose de "malvado" podem até enganar de primeira, mas essa impressão não dura muito tempo... Para quem conhece o trabalho da banda Matanza, sabe muito bem que o show do grupo tem uma vibe super animada e contagia os fãs por onde passa. Com uma trajetória de 20 anos, o quarteto é referência na música brasileira e sempre surpreende a cada novo álbum lançado.
Lançado em 2015, o disco "Pior Cenário Possível" dá nome e contexto à atual turnê da banda que deve durar até o fim do ano! A próxima parada do Matanza é no JF Rock City e os fãs podem se preparar para um super show. Para já entrar no clima, o Zine bateu um papo com Maurício Nogueira, guitarrista da banda.

O que mudou na música do Matanza do início da carreira para os dias atuais?
Bem, não acho que tenha mudado tanto assim. Talvez só o último disco que gravamos com 2 guitarras, num esquema diferente e mais próximo ao metal e que tem essa diferença. Mas a essência foi sempre a mesma, country hardcore com pitadas de metal. Com o tempo e com a entrada de novos membros, as influências foram variando, mas seguimos o nosso caminho tocando o nosso som, sempre do mesmo esquema. O principal é que os Bebuns e as Diabas sabem o que vão ouvir e isso é o que vale mais! 
Quando a banda está de folga, o que toca na playlist de vocês?
No meu caso ouço so coisas velhas do punk e metal! As bandas clássicas de thrash metal como Slayer, Metallica, os pioneiros do barulho como Black Sabbath, Motorhead, AC/DC, Ramones, Dead Kennedys. Além de Death e Black Metal, em geral coisas como Morbid Angel, Dark Throne.
Quais são os planos para o futuro, já que o último disco foi lançado em 2015?
Estamos na turnê do Pior Cenário Possível até o fim desse ano, além disso temos tido conversas sobre a realização do Matanza Fest ainda para esse ano e talvez um novo DVD. Estamos na fase inicial de conversa sobre isso tudo, mas vamos tocar muito esse ano, atingir todas as regiões do país e sempre tomar uma com os nossos amigos!!

Como vocês se sentem em participar do JF Rock City, um evento beneficente contra o Câncer, que também tem o intuito de valorizar a música autoral?
Cara, é sempre bom tocar em eventos com alguma causa que nos faça pensar um pouco e que possa ajudar de alguma forma. Valorizar o trampo autoral também é otimo. É sempre uma boa oportunidade de conhecer bandas novas e novos sons.
E o que os fãs podem esperar do show na cidade?
Estamos tocando umas 33 músicas no show atual, tudo uma atrás da outra com um respiro aqui e ali (risos), então podem esperar todas as músicas mais clássicas, canções do disco novo e muita barulheira!
O grupo Matanza se apresenta apresenta amanhã (26/03) no JF Rock City junto com um super time de bandas da região. Para saber todos os detalhes dessa festa, acesse nossa agenda!
Zine Imóveis
// Imóveis em destaque!
Publicidade