Entrar
Clique aqui para entrar
Blog

Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora está com as inscrições abertas. Confira!

Por: Rívia Petermann

Realizado desde 2002 de forma ininterrupta, o objetivo do Festival Primeiro Plano é proporcionar ao público a oportunidade de assistir a curtas-metragens que dificilmente seriam integrados ao circuito comercial de cinema. Além disso, a iniciativa visa valorizar as produções independentes locais e latinas. 


As inscrições para a 20ª edição do Primeiro Plano em Juiz de Fora estão abertas. Já a data prevista para o festival ocorrer, é entre os dias 22 e 27 de novembro de 2021. Saiba como participar.

 

Em razão da pandemia, o grupo de Cinéfilos Luzes da Cidade, que realiza o Festival decidiu manter o modelo online do evento, que foi sucesso em 2020.

 

Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora estão abertas.
Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora (Foto: Giphy)

 

Como as inscrições são feitas para o Festival Primeiro Plano?


• As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas até 20 de agosto, por meio do site www.primeiroplano.art.brno qual é possível conferir os regulamentos de cada categoria. É necessário efetuar login para acessar o cadastro e iniciar o processo de inscrição.


• Para as categorias Mostra Competitiva Regional e Mostra Competitiva Mercocidades, os candidatos devem preencher um formulário online no site do evento. Os participantes podem concorrer com trabalhos finalizados a partir de janeiro de 2020, desde que não tenham como finalidade a divulgação de empresas e/ou instituições. A duração máxima da exibição, gravada em 35 mm ou digital, não poderá passar dos 25 minutos.


• No caso de apresentação do filme em DVD, este deve ser entregue na Avenida Itamar Franco 728/503 - Centro de Juiz de Fora - CEP 36010-020, até o dia 20 de agosto.

 

Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora estão abertas.
As inscrições para o Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora estão abertas. 

 

Categorias: Mostra Competitiva Regional e Mostra Competitiva Mercocidades

 

• Mostra Competitiva Regional

Reúne os curtas-metragens realizados por cineastas estreantes residentes em Juiz de Fora e Zona da Mata

residentes em Juiz de Fora e Zona da Mata.


Os selecionados vão concorrer a um prêmio de R$ 10 mil e o vencedor ainda terá acesso a serviços de parceiros para a finalização de um novo curta, de até 20 minutos, que será exibido na edição 2022 do Festival.

 

18° edição Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora
18° edição Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora | 2019 (Foto: divulgação)

 

• Mostra Competitiva Mercocidades

Categoria direcionada exclusivamente para diretores estreantes, de todos os países da América do Sul (Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Bolívia, Peru, Venezuela, Colômbia e Equador). Os curtas concorrem a prêmios regulares dos festivais de cinema: direção, som, fotografia, montagem, atuação, trilha musical, direção de arte e melhor filme. As avaliações são realizadas por júri especializado e popular (formado pelos espectadores).

 

18° edição Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora
18° edição Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora | 2019 (Foto: divulgação)

 

Em ambos os casos, as produções devem ter sido finalizadas a partir de janeiro de 2020, sem divulgação de empresas ou instituições. A duração máxima não poderá passar dos 25 minutos.
 

Sobre o Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora


O Primeiro Plano é um festival nacional de cinema voltado exclusivamente para curtas de novos diretores. Em âmbito regional, contempla os filmes produzidos na Zona da Mata Mineira.


A Sessão Escola, uma das principais atividades do projeto, ocorre nas escolas municipais da cidade desde 2005, com exibições de obras de temática infantil, além de votação do melhor curta-metragem eleito pelas crianças. 

 

Equipe de divulgação do 18° edição Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora
Equipe de divulgação do 18° edição Festival Primeiro Plano em Juiz de Fora | 2019 (Foto: Instagram
 

Confira a relação de todos os vendedores do Primeiro Plano em 2020


Mostra Competitiva Mercocidades


Melhor Filme: Mãe chuva / Mamapara (Madre lluvia), de Alberto Flores Vilca

Melhor Direção: Nilton Resende, por A barca

Melhor Roteiro: Juana Castro, por O desenho de um peixe (El dibujo de un pez)

Melhor Concepção Fotográfica: Bruno Polidoro, por O que pode um corpo?

Melhor Concepção Sonora: Letícia Belo, por A fome que devora o coração

Melhor Montagem: Mario Manríquez, Alberto Flores Vilca, por Mãe chuva / Mamapara (Madre lluvia)

Melhor Direção de Arte: Carolina Camargo, por Volta seca

Melhor Trilha Musical: Perifericu

Melhor Interpretação: Lais Vieira, por Rosário

Melhor Primeiro Plano: Volta seca, de Roberto Veiga

Menção honrosa: Meninos rimam, de Lucas Nunes

Júri Jovem: Inabitáveis, de Anderson Bardot

Menção honrosa: Volta seca, de Roberto Veiga

Voto do Público: Endless love, de Duda Gambogi

Prêmio Aquisição Cinebrasil TV: Inabitáveis, de Anderson Bardot

 

Mostra Competitiva Regional


Incentivo Primeiro Plano: Nó no couro, de Mariana Martins

Prêmio Luzes da Cidade: Vida dentro de um melão, de Helena Frade.

Prêmio José Sette: 1996, de Rodrigo Brandão

Voto do Público: Tal pai, tal filho, de Lucas Andries

 

Mostra Competitiva Regional e Mercocidades do Festival Primeiro Plano.
Mostra Competitiva Regional e Mercocidades do Festival Primeiro Plano. (Foto: divulgação)

 


 

Zine Imóveis
// Imóveis em destaque!
Publicidade