Entrar
Clique aqui para entrar

Participe do financiamento uma casa pro Paçoca! - Zine Cultural

Blog

Uma Casa pro Paçoca: o financiamento coletivo em prol do juiz-forano

Por: Anderson Ferreira e Tainá Voltas

Se você é de Juiz de Fora ou já esteve na cidade por algum motivo e visitou as regiões mais badaladas de barzinhos, provavelmente já encontrou com o "Paçoca" - figurinha carimbada da cidade! Lembrou dele? 👇


"Paçoquinha", "Anderson Paçoca" ou apenas "Paçoca" é como Anderson de Oliveira Rodrigues, de 43 anos de idade, ficou conhecido na região. O apelido surgiu, claro, acompanhado de sua profissão: vendedor do famoso doce de amendoim pelas ruas de JF.  Há alguns anos, Anderson deixou de vender a iguaria que lhe rendeu a famosa alcunha e optou por comercializar o chiclete Trident. Daí surgiu mais uma marca registrada pra sua história, a frase "Vai um chicletinho?". 

 


Anderson Paçoca participa sempre das comemorações do nosso aniversário, o #ZineAFesta. Por lá, ele distribuiu doces e balas para os participantes e depois aproveita o evento com a gente! 
 

Por conta do isolamento social decorrente do novo Coronaívrus, os locais em que Paçoca realizava seu trabalho estão com as portas fechadas. Com isso, Anderson, que mora em uma pequena e precária casa alugada no bairro Parque Guarani, em Juiz de Fora, passa por dificuldades financeiras para assumir contas e impostos da residência. 

Após o assunto ganhar repercussão nas redes sociais do vendedor ambulante, amigos, fãs, admiradores e clientes do "Paçoquinha" se mobilizaram para criar um financiamento coletivo para ajudar o juiz-forano.
 


 

Como funciona o financiamento coletivo para auxiliar o Paçoca?


Em geral, um financiamento coletivo é criado com a proposta de convidar interessados e amantes de um determinado tema, estudo, livro, música, ação social, etc, a contribuírem para a sua confecção, projeção ou realização. Isso ocorre por meio da doação (investimento) de alguma quantia em dinheiro em troca de recompensas simbólicas ou significativas.


No caso do Paçoca, a intenção do financiamento é ajudá-lo com alimentação básica, aluguel e, no melhor dos cenários, efetuar a compra de uma nova casa.
 

Como posso ajudar?


Ao clicar AQUI você tem acesso ao site de arrecadação para a campanha "Uma casa pro Paçoca" e pode escolher qual valor doar.
 
A meta do financiamento, que inclui o pagamento de contas, aluguel, móveis e uma casa própria para Anderson varia ente R$15.000,00 e R$160.000,00.

 


 

 O que será feito com as doações deste financiamento coletivo? 


Veja abaixo os objetivos e metas da campanha:


1. R$ 15.000 - garantir 2 anos de aluguel e IPTU para Anderson;

2. R$ 30.000 - o item acima, mais móveis e eletrodomésticos para a casa;

3. R$ 50.000 - os itens acima e ajudar outras pessoas na mesma situação;

4. R$ 160.000 - COMPRAR UMA CASA PARA O ANDERSON OLIVEIRA RODRIGUES

5. acima deste valor ajudar mais pessoas em situações semelhantes. Todas as prestações de contas estarão disponíveis.

 

 


Paçoquinha no último #ZineAFesta!


Que tal contribuir com  um projeto super legal como este? Pra isso, basta participar da campanha de financiamento coletivo "Uma casa pro Paçoca" ao clicar AQUI! ❤
 

 

Zine Imóveis
// Imóveis em destaque!
Publicidade